Histórico

O PET (inicialmente as siglas para Programa Especial de Treinamento, e posteriormente, Programa de Educação Tutorial) foi criado e implantado em 1979, pela CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior). Nesta época, era denominado Programa Especial de Treinamento. Inicialmente, o programa tinha o objetivo de formar futuros docentes universitários, porém com o passar dos anos, a filosofia do grupo foi consolidada e resultou no primeiro Manual de Orientações Básicas em 1995.

Essa estrutura continuou até 31 de dezembro de 1999. A partir desta data, a gestão do programa foi transferida para a Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação, SESu-MEC, passando a ser coordenada pelo Departamento de Projetos Especiais de Modernização e Qualificação do Ensino Superior (DEPEM).

É importante lembrar que até 1996, o PET expandiu a quantidade de grupos e se consolidou como um Programa de Excelência. Porém, a partir de 1997, começou a sofrer dificuldades devido ao corte de verbas e restrições nos recursos, uma vez que o Governo passou a alegar que o programa era muito pesado para os cofres públicos. Tais dificuldades continuaram até meados dos anos 2000.

Finalmente, após muita resistência, houve uma estruturação do programa, que permite a estabilidade dos grupos existentes hoje, permitindo assim a expansão, conforme tem acontecido nos últimos anos. Ainda é importante ressaltar que em 2004, o programa teve seu nome alterado, passando a ser denominado PROGRAMA de EDUCAÇÃO TUTORIAL, nome que predomina até hoje.

O grupo PET-Informática, por sua vez, foi criado em 1991 e, desde então, já teve a passagem de 96 acadêmicos, entre bolsistas e colaboradores, e de 5 tutores.

Inicialmente, o grupo era composto por alunos dos cursos de Processamento de Dados e Ciência da Computação. Com a dissolução do primeiro curso, e a criação do curso de Informática, estes alunos também passaram a fazer parte do programa. Atualmente, além dos cursos de Informática e Ciência da Computação, o grupo também engloba alunos do curso de Engenharia de Produção com ênfase em Software, uma vez que este também está vinculado ao Departamento de Informática.